Pesquisa aponta a Defensoria Pública como a instituição jurídica mais conhecida, mais confiável e melhor avaliada pela sociedade

5 de dezembro de 2019

Pesquisa aponta a Defensoria Pública como a instituição jurídica mais conhecida, mais confiável e melhor avaliada pela sociedade

 

Uma pesquisa lançada pela Fundação Getúlio Vargas (FGV) na segunda-feira (2), no Rio de Janeiro, intitulada “Estudo sobre o Judiciário Brasileiro”, coloca a Defensoria Pública no topo como a instituição mais conhecida pela sociedade (45%), mais confiável (59%) e mais bem avaliada (38%). Foram ouvidas mais de 2,5 mil pessoas entre advogados, defensores públicos e cidadãos comuns no período de agosto de 2018 a outubro de 2019.

 

Das instituições do sistema de justiça, a Defensoria Pública foi destacada por 78% dos entrevistados como ótima, boa e regular. “Esse resultado só demonstra o quão é importante a Defensoria Pública para milhões de brasileiros que não têm condições de custearem um advogado. Avançamos ao longo dos anos, mas ainda temos muito a avançar, pois dos 75 municípios sergipanos apenas 10 têm Defensor Público, ou seja, 65 cidades do interior não contam com a assistência da Defensoria Pública. Temos defensores públicos aguerridos e preocupados com a população hipossuficiente, mas precisamos ampliar o quadro urgentemente para que possamos ter membros em todos os municípios”, pontuou  o defensor público-geral, Leó Neto.

 

Por ano, as Defensorias Públicas de todo país realizam cerca de 14 milhões de atendimentos. Em Sergipe, só no ano de 2018, foram mais 232 mil atendimentos. As principais áreas de atuação são: direito da família e sucessões; criança e adolescente; saúde; moradia; consumidor; combate à violência contra a mulher; direitos humanos e área criminal. A prestação de serviços à população hipossuficiente ocorre na esfera individual ou coletiva, em todos os ramos do direito, judicial ou extrajudicialmente.

 

Por Débora Matos c/ informações da Anadep

Acesse aqui a pesquisa!

 

 

Expresso Livre

?
e-doc

Tamanho da Fonte